Globo e NHK se unem para possibilitar Rio 2016 em 8K

Cerimônias de Abertura e Encerramento, além de algumas competições esportivas, serão transmitidos em sessões especiais no auditório do Museu do Amanhã

No fim do ano passado, a Ikegami anunciou que tinha construído e fornecido a primeira unidade móvel 8K do mundo para a emissora pública japonesa NHK, pioneira na pesquisa e desenvolvimento desta tecnologia. E após alguns testes, a emissora está confiante em trazer a UM para a produção da primeira Olimpíada nesta resolução.

Com a 4ª geração de câmeras Ikegami SHK-810 e capacidade de produzir um som surround 22.2, a unidade móvel será a central de produção para a cobertura em 8K das Cerimônias de Abertura e Encerramento, além de algumas competições esportivas.

A nova geração das câmeras SHK-810 é equipada com um único sensor Super 35 CMOS e possui um tamanho e peso 90% menor em comparação à primeira geração. Para garantir a máxima qualidade do serviço, a Ikegami já anunciou que uma equipe dedicada de engenheiros irá acompanhar a UM para assegurar o desempenho das câmeras.

“As Olimpíadas representam o que há de melhor quando se fala em paixão, excelência e conquista”, diz Hiroshi Akiyama, diretor de marketing da fabricante. “O compromisso da Ikegami com esses princípios é evidente pela nossa extensa presença nas coberturas em 8K do Rio 2016. Nós estamos muito contentes em ofertar à muitos espectadores em todo mundo a primeira experiência em 8K que eles terão, com nossa tecnologia de ponta e nossa equipe brilhante”, ressalta.

A cobertura será transmitida em sessões especiais no auditório do Museu do Amanhã, na zona portuária do Rio, graças à uma parceria entre a Rede Globo e a NHK. Será a primeira vez no mundo em que haverá uma transmissão terrestre ao vivo em 8K, aberta ao público, que foi viabilizada pela utilização racional do espectro eletromagnético. Os interessados poderão conferir a programação no site oficial do museu, acesse clicando aqui.

Fonte: Panorama Audiovisual