Canon EOS C700

Em Estoque

A próxima geração Cinema EOS C700, câmera digital de cinema, é a câmera que tantos cinematógrafos tem pedido à Canon e incorpora aquilo que a Canon aprendeu através de feedback profissional nos últimos cinco anos desde que a original Cinema EOS C300 foi anunciada.

A nova câmera EOS C700 Super 35 da Canon foi criada para ser uma câmera “A” versátil para muitos tipos de situações de filmagem. A EOS C700 possui gravação interna tanto 4K ProRes quanto XF-AVC. Com o gravador 4K Codex CDX-3150, a EOS 700 é capaz de gravar RAW não comprimido em até 120 frames por segundo.

Câmera estandarte de cinema da Canon, a EOS C700 conta com a escolha de um de entre dois novos sensores CMOS Super 35mm. Com a opção de três modelos, usuários podem escolher a melhor ferramenta para os seus requisitos de filmagem. A EOS C700 está disponível tanto em versões EF quanto PL e conta com a resolução de pixels de até 4,5K, latitude de 15 stops e Dual Pixel CMOS AF (DAF). A EOS C700 GS PL, apenas disponível no bocal PL, conta com 14 stops de latitude, resolução de até 4K e um Global Shutter.

A EOS C700 também inclui uma variedade de opções de gravação 2K/HD com frame rates de até 120 fps usando todo o sensor e até 240 fps no modo 2K crop.

O corpo robusto de magnésio tem cantos arredondados e laterais em forma de semicírculo atrás do bocal que remetem ao legado do Canon Cinema design. O EOS C700 é tão confortável na mão, montado no ombro, na cabeça de um tripé, num gimble rig ou montado no câmera car.

A EOS C700 foi concebida para profissionais e incorpora elementos indispensáveis que os usuários tem solicitado. O design versátil permite a EOS C700 ser compatível com uma ampla variedade de configurações de lente, incluindo EF, PL, B4 (com o adaptador opcional) e Anamorphic.

Outros principais elementos do sistema da câmera incluem o Dual Pixel CMOS AF (Model EF), um EVF Professional OLED HD, Canon Log 2 e 3, gravação em slow e rápida, ACES Support, Monitoração SMPTE 2084 HDR, 10 stops de filtração ND interno, e IP Streaming.

O EOS C700 está disponível em três modelos a seguir descritos:

 

  • EOS C700 EF  — bocal EF
  • EOS C700 PL — bocal PL (Sem DAF)
  • EOS C700 GS PL — bocal PL com sensor global shutter (Sem DAF)
SOLICITAR ORÇAMENTO
Categorias ,

Dois novos designs de sensores 4K

A EOS C700 oferece a opção de dois tipos de modelos de sensores. A EOS C700 oferece um sensor 4.5K CMOS com 15 stops de latitude. O sensor padrão será oferecido tanto para os bocais PL e EF. A versão bocal EF da câmera dispõe tecnologia Dual Pixtel CMOS AF.

A EOS C700 GS PL apresenta tecnologia global shutter. A tecnologia global shutter é útil para esportes, ação rápida, shows e eventos onde ela elimina os artefatos gelatina e “flash band”.

A imagem num sensor global shutter é capturada simultaneamente por todos os pixels no sensor. Os sensores CMOS normais capturam a imagem escaneando a cena de cima para baixo. Dependendo da velocidade do scan, o delay entre o escaneamento da primeira linha e a última às vezes resulta num efeito gelatina no qual as linhas retas parecem curvadas ou tremem enquanto a câmera ou o sujeito estão em movimento. Capturando a imagem toda de uma vez esses artefatos são removidos. A EOS C700 GS PL dispõe de 14 stops de latitude e não oferece Dual Pixel CMOS AF.

Ergonomia refinada e design

A EOS C700 apresenta um novo design comparado com produtos Cinema EOS anteriores. A EOS C700 é uma câmera tamanho completo que permite tanto um estilo tradicional de estúdio e configurações na mão.

O corpo da câmera inclui suportes com vários furos rosqueados de 3/8-16 e 1/4-20 na parte de cima e embaixo para facilmente acoplar acessórios. O braço de apoio de cima pode ser anexado numa variedade de posições para ajudar em atingir o melhor equilíbrio.

A EOS C700 tem um 0.7-inch OLED Electronic Viewfinder (EVF-V70). O primeiro visor de grau profissional da Canon dispõe de visualização Full HD 1920×1080, surround view, view assist e false color. O EVF também tem a capacidade de mostrar uma imagem HDR simulada com uma latitude “esticada” para elevado detalhe nas baixas e preservação de altas.

Ambos lados da câmera podem ter displays principais redundantes com menus e controles. Um painel de controle embutido no lado do operador da câmera permite acesso rápido aos controles da câmera. O Remote Operation Unit OU-700 opcional da Canon pode ser acoplado ao lado direito da câmera e espelha todas as funções do display principal embutido. Ele pode ser convenientemente posicionado para cima para acesso fácil às entradas dos cartões CFast e SD. Isso permite a operação da câmera dos dois lados, facilitando ajustes da câmera tanto para o assistente quanto para o operador.

O layout intuitivo de seis botões do sistema de menu permite acesso rápido às funções da câmera frequentemente utilizadas como ISO, shutter, fps slow e rápido, etc, e pode instantaneamente parecer familiar e confortável aos operadores de câmera. Dentro de cada função de acesso rápido está a capacidade de acessar opções mais profundas do menu, então o total controle da câmera e personalização está sempre acessível enquanto o menu permanece limpo e facilmente utilizável.

 

 

 

A EOS C700 pode ser usada com um acessório opcional – Shoulder Support Unit SU-15 com rosetas Canon em cada lado e longarinas de 15mm na frente. A unidade tem um apoio de shoulder confortável que consiste de duas partes que podem ser ajustadas para encaixar com a largura do ombro do operador de câmera. Anexando o apoio de ombro na câmera permite-se a fácil operação na mão e ainda providencia um release rápido embaixo para conectar num tripé;

A EOS C700 tem um sistema de gerenciamento de energia significativamente melhorado para ajudar a facilitar a conexão com acessórios de terceiros. A câmera acompanha um plate V-mount standard para aceitar sistemas comuns de baterias profissionais. Fontes externas de energia de +10-34 VDC podem ser conectadas à câmera via conexão padrão de indústria XLR de 4 pinos. Acessórios da câmera podem ser alimentados via um 24V DC 3 pinos e um 12V DC- conector de 2 pinos localizado na frente da câmera para ajudar com o gerenciamento de cabos.

A EOS C700 oferece uma escolha de dois bocais de lentes, PL ou Cinema Lock EF. O bocal Canon Cinema Lock EF é o mesmo versão robusta que se encontra na EOS C300 Mark II.


Gravação RAW

Com o Codex CDX-36150 opcional acoplado, a EOS C700 pode gravar 10-bit ou 12-bit 4K RAW não-comprimido até 120 fps, 2K RAW até 240 fps, ou ProRes 4K até 60fps.

O Codex CDX-36150 é feito especificamente para a EOS C700 e pode ser anexada à parte de trás da câmera e pode ser controlado diretamente pelo sistema de menu da câmera.

O gravador Codex CDX-36150 RAW é anexado à EOS C700 removendo o plate de bateria da parte de trás da EOS C700 e substituindo-a pelo gravador. Essa modalidade da EOS C700 permite o gravador ser conectado de forma segura sem cabos e atua como uma parte integrada aos invés de um acessório externo. A parte de trás do gravador Codex tem um plate de bateria com um conector de bateria Gold Mount a bordo. Energia de uma fonte externa (10-32 VDC) também pode ser fornecida para o conector 2-pinos no corpo do gravador.

Codex CDX-36150 é um sistema integrado quando anexado à EOS C700. O gravador Codex permite gravação não só em 4K RAW, mas também ProRes em frame rates significativamente mais altos que os cartões CFast internos. Quando gravando, arquivos RAW são salvados como uma sequência de frames RMF num formato não-comprimido sem nenhuma configuração embutida. Revelação de clips pode, então, ser facilmente ajustada na pós usando o software incluso Canon Raw Development (CRD).

O CDX-36150 usa um Codex Capture Drive 2.0 (1 TB ou 2 TB de capacidade), uma mídia profissional familiar e facilmente disponível.

Gravação interna Canon XF-AVC e ProRes

A EOS C700 tem dois modelos de gravação interna: Canon XF-AVC e Apple ProRes. Os dois gravam em mídia CFast interna.

XF-AVC grava até 59.94p em 4K em mídia CFast.

A câmera também grava Apple ProRes em mídia CFast. Esse é a primeira vez que a câmera Canon Cinema EOS grava ProRes internamente. Isso pode ajudar a significativamente reduzir o tempo e o custo de transcodificação de arquivos de vídeo para produções usando ProRes como um formato de entrega intermediário.

 

Gravação simultânea em CFast está disponível para a criação de backup imediato.

 

Gravação interna em cartões CFast e SD Card

A Canon EOS C700 dispõe de duas entradas de cartões CFast 2.0 e uma entrada de cartão SD no lado direito da câmera. A EOS C700 pode gravar XF-AVC e ProRes (além de metadata) simultaneamente para cada um de ou ambos cartões CF. Gravação simultânea ajuda, por exemplo, se um cartão será enviado à pós e o outro armazenado, de forma segura, nos arquivos da produtora. Gravação em sequência também é possível para situações onde mudar de cartão e perder preciosos segundos não é uma opção (eventos de esporte, palestras e documentários de natureza). Ao mesmo tempo, uma arquivo Proxy XF-AVC 8-bit 4:2:0 pode ser gravado ao cartão SD para edição imediata. O cartão SD também pode capturar frames individuais (2048×1080 ou 1920×1080) em JPEG, metadata, menus e outras informações.

 

Canon Log 2 e 3

A EOS C700 disponibiliza Canon Log 2 e Canon Log 3 Gamma. Canon Log foi concebida para reproduzir, na pós-produção, o completo range tonal de que o sensor de imagem CMOS é capaz. Workflows Log permitem o usuário uma latitude maior, mais retenção de altas e baixas, e mais flexibilidade no grading. Canon Log 2 proporciona maior latitude e detalhe de imagem. Enquanto Canon Log 2 proporciona a maior flexibilidade na pós-produção e aproveita todos os 15 stops de latitude do sensor, também requer mais tempo na pós. Para usuários procurando a maior parte dos benefícios do workflow, mas com menos tempo de virada, Canon Log 3 apresenta uma alternativa com uma latitude somente um pouco reduzida para 14 stops.

Apoio SMPTE ST para produções HDR

A EOS C700 tem a opção de sair ST 2084 através da saída do monitor para ajudar em produções HDR. ST 2048 permite monitores compatíveis a simular o look HDR no trabalho final permitindo iluminação mais fácil e outras decisões técnicas no set durante o processo de aquisição.

O Canon Electronic Viewfinder (EVF-V70) opcional também confere espaço para um modo simulação ST 2048 para permitir ao operador de câmera ver os visuais HDR próximo do que está sendo providenciado através do sinal de monitor. Isso pode facilitar mais as decisões criativas no set onde o equipamento de referência HDR e dispositivos de output talvez não estejam disponíveis.
Rec. 2020

A EOS C700 é compatível com Rec 2010, que é o display color space da UHDTV. Rec 2020 support significa que uma produção que queira ir direto ao formato UHD pode começar nesse espaço expandido de color space sem a necessidade de fazer conversões.
ACES Support

A EOS C700 é compatível com ACES 1.0 do Academy Color Encoding System. Usando IDTs da Canon, imagens capturadas na EOS C700 podem ser importadas diretamente para os sistemas compatíveis com ACES.

Ainda mais, output de vídeo da câmera pode ser monitorada selecionando o ACES Proxy.

O Aces Proxy permite a câmera mandar um output de monitor que simula o espaço ACES um monitor ou um dispositivo compatível. Modificações feitas usando o output proxy podem ser salvadas e mais tarde levadas para a ilha de edição ou de correção de cor para ajudar a garantir que as mudanças e as escolhas de cor feitas no set são precisamente reproduzidas na pós.

Monitores de referência de 17, 24 e 30 polegadas da Canon apoiam a visualização de imagem ACES. A C700 tem quatro outputs 3G-SDI na parte de trás da câmera. Então, enquanto o Codex CDX-36150 grava 4K Raw, a EOS C700 pode simultaneamente mandar a imagem 4K para o monitor de referência da Canon. O monitor da Canon faz o debayer da imagem em RAW e converte no espaço de cores ACES. Além do ACES, o novo monitor de referencia DP-2420 da Canon suporta bem HDR, Canon Log3 Hybrid Log Gamma.

Dual Pixel CMOS AF
Somente versão bocal EF

A câmera de cinema digital EOS C700 apresenta a mais nova geração de tecnologia Dual Pixel CMOS AF (DAF). Cada pixel no sensor CMOS da câmera é configurado com dois fotodiodos. Dois sinais independentes de imagem podem então ser detectados em cada fotoponto. Implementando um AF sem diferença de fase, um foco suave pode ser realizado usando as lentes Canon EF com muito mais velocidade e precisão do que era possível com as tecnologias anteriores.

A EOS C700 tem um AF rápido de um toque só (com botão) e AF contínuo em aproximadamente 80% da área total da imagem. Face detection AF é um outro modo de autofocus  que pode traçar o rosto da pessoa no quadro e manter o foco nela.

Para refinar ainda mais o desempenho, a EOS C700 oferece a capacidade de regular a velocidade de resposta e o tracking do AF.

O DAF também possibilita o Dual Pixel Focus Guide.O Dual Pixel Focus Guide apresenta um retângulo no centro do EVF ou do monitor para o usuário. O retângulo fica verde quando o sujeito está em foco. Se o sujeito não está em foco a caixa fica cinza e uma flecha vai indicar em que sentido ajustar a lente para recuperar o foco.
Uma novidade para a EOS C700 é um elemento de pre-set de foco. Pontos de foco separados e predeterminados podem ser selecionados e quando o botão SET é pressionado a lente passará o foco de uma marca para a outra.
Processadores de imagem Triple DIGIC DV 5

“DIGIC” é a sigla da Canon para Digital Image Integrated Circuit. A EOS C700 usa três processadores DIGIC DV 5 para dar energia às funções avançadas da câmera. DIGIC trabalha em conjunto com outros subsistemas da câmera como as lentes e o sensor para apoiar os diversos elementos e o motor de processamento de imagens.

Outras Funções

Filtros ND internos

A EOS C700 dispõe filtros ND internos para ajudar a economizar o tempo de produção e ajudar a aumentar a versatilidade sem a necessidade de mudar de filtros. Os filtros ND internos são selecionados com os botões ND FILTER + e – no lado esquerdo da câmera.

A EOS C700 usa um conjunto de NDs internos motorizados que consiste em dois discos rotativos com filtros ND de vidro entre a parte de trás da lente e a parte da frente do sensor. A combinação de filtros ND permite 2, 4 e 6 stops de ND no modo normal e 8 a 10 stops no modo extendido.

Anamorphic Lens Support

A EOS C700 suporta o formato anamórfico de lentes em razão de eletronicamente descomprimir a imagem no visor e nos monitores conectados para assistir. No sensor os usuários podem aproveitar a resolução full 4K da câmera usando lentes anamórficas de compressão 1.3x que cobrem toda a area 16×9 do sensor da EOS C700. Lentes anamórficas populares de compressão 2x que cobrem o aspect nativo de 1.2:1 do sensor também podem ser usados usando uma área menor do sensor.

 

Intelligent Metadata /i
Somente verão bocal PL

Intelligent Metadata é a fonte aberta de tecnologia da Cooke Optics para usar codificadores dentro das lentes e contatos no display da câmera para gravar metadata de foco, iris, distância focal, número de série e outras informações úteis. A EOS C700 com o bocal PL é construída com contatos /i. O metadata pode ser útil no set para mostrar informação das lentes nos monitores. Assistentes de câmera podem imediatamente ver uma representação gráfica de profundidade de campo. Continuístas podem instantaneamente ter updates de lente, distância focal, distância e abertura. A tecnologia /i é usada em trabalhos VFX para juntar filmes e determinar parâmetros de lentes.

Lentes B4

Dois adaptadores para bocais B4 estão disponíveis para a EOS C700, um adaptador de B4 para EF (MO-4E) e um adaptador B4 para PL (MO-4P). O adaptador para bocal B4 da Canon levemente aumenta a imagem, redimensionando o círculo de imagem 2/3” para aproximadamente 1” para corresponder com a resolução HD nativa no sensor EOS C700. Esse design ajuda minimizar a perda através do adaptador, ao mesmo tempo mantendo a profundidade de campo e o range da lente 2/3”. Para energia e controle com as lentes B4 servo, a C700 dispõe de um conector de lentes de 12 pinos na frente do corpo da câmera.
Gravação acelerada e lenta

A EOX C700 tem disponível os framerates mais rápidos de qualquer câmera Canon Cinema EOS até hoje. Além do 4K 60P, a EOS C700 também apresenta gravação em 2K em até 120 quadros por segundo e uma versão 2K crop com até 240 quadros por segundo.

Streaming IP

Streaming IP permite os usuários a enviar seus vídeos online, em tempo real, enquanto filmam. Trabalha com decodificadores de IP compatíveis, software de streaming IP e outros dispositivos de streaming ao vivo para sites, programas de notícias, produções de vídeos, unidades de pós produção, ilhas de edição e estações de broadcast. A EOS C700 suporta MPEG2-TS com protocolos UDP, RTP e RTSP+RTP.
Capacidades de controle remoto sem fios

A EOS C700 pode ser conectada a uma rede wireless usando o transmissor Canon de arquivos wireless (WFT-E6A/WFT-E8A). Usando o WFT Transmitter, usuários podem operar a câmera e visualizar imagens ao vivo usando o dispositivo conectado ao Wi-Fi® com um navegador compatível.

 

GPS

Quando um receptor opcional Canon GP-E1 é conectado ao EOS C700, informações de GPS podem ser adicionadas ao metadata. Isso é selecionado usando o menu. Posições de GPS (altitude, latitude, longitude) e horário podem ser gravados onde o serviço de GPS está disponível.

 

RC-V100 Support

O controle remoto RC-V100 da Canon pode ser conectado à C700 através de um conector RS422 no painel traseiro. Esse acessório opcional permite ajustes da qualidade da imagem e de operação de câmera a ser feitos no set à distância.

Acessórios opcionais

O visor EVF-V70, controle remoto RC-V100, unidade de apoio para o ombro SU-15, unidade de operação remota OU-700, unidade de grip no shoulder, SG-1, GPS GP-E1, transmissores de arquivos sem fio WFT-E6A/WFT-E8A.

PRODUTOS