Real Madrid X Barcelona, pela primeira vez, em 4K HDR e com replay em 360º

Clássico espanhol contou ao todo com 8 UMs, 6 DSNGs e mais 400 profissionais envolvidos na produção. Replay em 360º foi possibilitado através de parceria com a Intel.

 A tecnologia já é utilizada em partidas de basquete, futebol americano e beisebol nos Estados Unidos e permite alinhar e processar as imagens em 360º em menos de 2 minutos para que sejam transmitidos à um servidor EVS e exibidos logo em seguida, durante algum momento mais tranqüilo da partida.Segundo a empresa, basta que o operador escolha em qual câmera deseja iniciar e em qual desejar terminar o voo, além de parâmetros de zoom digital, para acompanhar de diversos ângulos o momento de destaque.

A Intel e a La Liga fecharam um acordo de colaboração por três temporadas, no qual a multinacional colocará à disposição a tecnologia enquanto a La Liga incluirá o logo da Intel nos replays 360º.   Além disso, a Mediapro contou com uma câmera aérea de um helicóptero, duas câmeras super slow para acompanhar especificamente Cristiano Ronaldo e Lionel Messi, um travelling de alta velocidade atrás da linha esquerda, duas teleobjetivas para seguir os técnicos Zidane e Luis Enrique e duas câmeras “Beauty”, uma do interior e outra do exterior do estádio, em gruas com mais de 40 metros de altura.

Ao todo, foram 8 unidades móveis, 6 DSNGs e mais de 400 profissionais envolvidos na produção, entre responsáveis, técnicos e produtores da própria Mediapro e de outras detentoras de direitos de transmissão. O sinal principal da partida foi feito a partir de duas UMs, uma HD com 28 câmeras e outra 4K com oito Panasonic AK-UC3000.

 

Com informações de Panorama Audiovisual

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Support