TV Digital HD

migração do analógico para o digital

 

Todas as emissoras brasileiras, e suas filiadas, passam pelo processo de digitalização de seu sinal de transmissão. A conversão consiste na migração do sinal convencional (analógico) para o digital em suas programações. O novo modelo de transmissão foi determinado pelo governo federal a partir do Decreto-Lei 5.820 de 2006.

Para entendimento do cronograma de transição do sinal de TV Digital para o analógico no Brasil, confira a portaria nº 378, clique aqui.

Para adaptarem-se à nova norma as emissoras precisam fazer uma renovação de seus equipamentos, que passam desta aquisição de novos aparelhos para a transmissão até os de retransmissão, capacitando-se assim para emissão do novo sinal.

Uma das vantagens da substituição do sinal analógico para o  sinal digital é maior  definição de imagem já que o sinal digital pode ser comprimido muito mais do que um sinal analógico, permitindo que as emissoras encaixem mais informação no sinal

Para o espectador a principal diferença entre o analógico e o digital está na qualidade da imagem e do som que ele recebe em sua casa. Na TV analógica, são comuns interferências, chuviscos, chiados e ruídos no som. Com a TV Digital, através da mudança na forma de transmissão do conteúdo, é possível corrigir grande parte dos efeitos de interferências, fazendo com que o resultado final para o usuário seja uma imagem perfeita e o som limpo.

Para recepção do sinal o usuário precisa ter uma antena de ligada ou ao seu conversor digital,   ou diretamente ao seu aparelho de TV se este já possuir um conversor digital integrado.

A solução TV HD da Videomart  irá modernizar a sua emissora de TV e afiliadas e requer  um custo acessível  de implantação e implementação. O projeto de modernização da sua emissora e afiliadas será desenvolvido de forma dedicada, ou seja, o projeto atenderá as necessidades e expectativas atuais e futuras da sua emissora e afiliadas. Entre em contato e solicite um orçamento.

Migração analógico para Digital

Diferenças entre a TV analógica e a TV digital

Enquanto a TV analógica transmite áudio e vídeo, a TV Digital transmiti também informações de dados, além da qualidade em alta definição dos sinais de áudio e vídeo.

Digitalizada, a televisão passa a fazer parte do ambiente de convergência, podendo se conectar a qualquer outra plataforma digital, como computadores ou celulares, podendo ser assistida a qualquer tempo, de qualquer lugar. E a TV digital oferece muito mais, como a possibilidade da interatividade e da multiprogramação.

No caso da televisão, além da captação e edição das imagens e sons serem feitas no padrão digital há algum tempo, as transmissões de seus sinais (por meio das faixas de frequência) também passaram a ser feitas de maneira digital em algumas cidades e/ou regiões.

Para receber este sinal no padrão digital, os telespectadores precisam ter receptores (televisores já munidos de conversores ou conversores set of box, a serem acoplados nos aparelhos de TV já existentes) capazes de colocar na tela o sinal digital.

Fonte: EBC

Vantagens da TV digital

A TV Digital permite ocupar melhor o espectro eletromagnético. Isso significa abrir espaço para mais canais na TV aberta. Outra vantagem é a qualidade do sinal de áudio e vídeo. As imagens são mais nítidas e podem ser recebidas em Alta Definição (HD, sigla em inglês para High Definition) em vez do SD (Standard Definition).

Além da conhecida transmissão de áudio e vídeo da TV analógica, a TV digital permite o tráfego de dados, com acesso às redes de informação, num ambiente convergente, que pode transformar cada receptor de televisão num terminal de computador ligado à Internet e cada terminal de computador num receptor de televisão. A comunicação, que no analógico é de um para todos, pode ser bidirecional, abrindo às audiências a possibilidade da interatividade.

Fonte: EBC

O que tenho de fazer?

Você deve se preparar para receber o sinal digital, de modo a poder continuar assistindo aos canais da TV aberta e gratuita em sua região. Veja aqui o cronograma de desligamento para sua cidade. Mas o sinal de TV analógica só poderá ser desligado quando pelo menos 93% da população da região estiver recebendo o sinal da TV digital.

É possível assistir à TV digital em qualquer tipo de TV – de tubo, LCD, LED ou plasma. Mas para receber o sinal é preciso ter uma antena UHF simples, interna ou externa, dependendo da sua região, e também:

Para TV de tubo – um conversor digital externo (ou set top box) para instalar em qualquer TV.

Para TV de tela fina – nem todos os aparelhos de TV de tela plana são digitais. Caso seu televisor tenha sido fabricado no Brasil a partir de 2011, provavelmente ele já tem um conversor integrado. Caso contrário, você precisara conectar seu aparelho a um conversor digital.

Para receber o sinal digital, basta instalar uma antena UHF e conectá-la na TV ou no conversor. Não é preciso pagar para receber o sinal da TV aberta digital.

Fonte: EBC

Em 2003, o Governo Federal instituiu o Sistema Brasileiro de Televisão Digital Terrestre (SBTVD-T), por meio do Decreto nº 4. 901. Em 2006, o Decreto 5.820, estabeleceu as diretrizes para as emissoras e retransmissoras de televisão migrarem do sistema de transmissão da tecnologia analógica para digital. O artigo 6º especifica que o SBTVD-T possibilitará:

I – transmissão digital em alta definição (HDTV) e em definição padrão (SDTV);

II – transmissão digital simultânea para recepção fixa, móvel e portátil; e

III – interatividade.

 

Fonte: EBC

Formulário de orçamento